Impactos

A educação é um mecanismo de transformação social. O IRS atua dentro desta perspectiva e acredita que crianças e jovens talentosos têm a capacidade de romper a linha da pobreza, tornando-se referências para seus familiares, amigos e comunidade.

Impactos por Programa

Aprovações em Escolas de Excelência

Desde 2013, o Instituto Rogerio Steinberg já conquistou mais de 170 aprovações em Escolas de Excelência como Colégio Pedro II, Instituto Tecnologia ORT, Instituto Federal do Rio de Janeiro, CEFET, Fundação Oswaldo Cruz, CAP UFRJ, Escola Eleva, Colégio PENSI, entre outros. Essas conquistas são frutos do Preparatório IRS que tem como principal objetivo proporcionar o aprimoramento acadêmico de crianças e jovens socialmente vulneráveis de escolas públicas e instituições beneficentes de ensino do município do Rio de Janeiro. Assim, o IRS visa apoiar a busca pelo acesso à educação formal e contribuir para que haja uma maior igualdade social, por meio da ampliação do número de crianças e jovens aptos a ingressar em escolas de excelência.

Egressos em Universidades

O atendimento ao superdotado pelo IRS não se limita aos anos que os jovens participam do Programa Desenvolvendo Talentos. Anualmente, o Instituto mapeia os egressos que estão inseridos no mundo acadêmico. Nas universidades, os cursos escolhidos pelos ex-participantes são diversos: de Engenharia de Telecomunicação a Medicina, de Química a Jornalismo, de Ciências Econômicas a Ciências Sociais. Em 2021, o IRS conta com 181 egressos que estão cursando ou já são graduados em universidades de excelência, como PUC-Rio, URFJ, UERJ, USP e até internacionais como University of Montana e University of Illinois.

Bolsas de Inglês na Sociedade Brasileira de Cultura Inglesa

O Instituto Rogerio Steinberg e a Sociedade Brasileira de Cultura Inglesa possuem uma parceria institucional. Desde 2009, cerca de 300 beneficiários têm sido agraciados com bolsa integral de estudos e enriquecido seus currículos com os ensinamentos de Língua Inglesa obtidos durante os cursos. Autoestima, aprimoramento tecnológico e integração social são ganhos que permitem cada bolsista obter uma melhoria no seu desenvolvimento acadêmico e na sua qualificação profissional.

casoS de sucesso

Leticia de Cassia Lima Gomes

Leticia Gomes ingressou no IRS em 2003, com nove anos de idade, por destacar-se com talento musical e acadêmico. Com força de vontade e determinação, em pouco tempo conquistou uma vaga no Conservatório Brasileiro de Música e foi aprovada no Instituto de Tecnologia ORT, onde se formou no curso técnico de Biotecnologia. Em 2013, Leticia foi aprovada no curso de Farmácia no vestibular da UFF, mas, em 2014, mudou para o curso de Direito na UFRJ, onde faz estágio na reitoria na área de Coordenação de atendimento aos órgãos de controle. A jovem, que pretende nunca parar de estudar, almeja se formar no curso da Sociedade Brasileira Cultura Inglesa. Em 2014, Leticia ingressou no curso técnico de Segurança do Trabalho na Sisutec. “Hoje tenho maior interesse em cultura, criei responsabilidades, conquistei experiência de vida… O IRS me proporcionou oportunidades que expandiram meus horizontes”.

Ciro de Souza da Silva Monteiro

Ciro Monteiro ingressou no IRS em 2007, com 13 anos de idade, devido ao seu notável talento acadêmico. No IRS participou da Oficina de Criação e Orientação profissional. Em 2008, participou do concurso de admissão para o 9º ano do Ensino Fundamental no Instituto de Tecnologia ORT e alcançou a 4ª colocação, conquistando assim uma bolsa de estudos na Instituição. Além disso, possui em seu histórico acadêmico diversos reconhecimentos. Em 2009, já era tricampeão da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OMBEP) e 4º colocado no torneio de Xadrez do Rio de Janeiro. Em 2011, já havia sido duas vezes medalhista de bronze na Olimpíada de Matemática do Estado do Rio de Janeiro (OMERJ). Por sempre ter bons resultados em Inglês, foi contemplado com uma bolsa de estudos na Sociedade Brasileira Cultura Inglesa, devido à parceria do SBCI com o IRS, concluindo o curso no primeiro semestre de 2013…

Laura de Andrade Pinho

Laura Pinho ingressou no IRS em 2010 com 9 anos de idade. Aluna desde 2009 da Escola Estadual de Dança Maria Olenewa, pertencente à Fundação Theatro Municipal do Rio de Janeiro, Laura tem uma rotina que concilia os estudos aos treinos intensos de balé de segunda a sexta-feira desde pequena. Em 2012, seu grupo de dança ficou em segundo lugar na competição do Festival de Dança de Joinville e, em 2013, no Festival Internacional de Dança de Cabo Frio. No mesmo ano, participou do workshop do Teatro Bolshoi, uma das principais companhias de balé e ópera do mundo, ficando entre as nove melhores bailarinas de uma turma de 50 jovens. Desde seu ingresso no IRS, Laura participou de três Mostras de Talentos com apresentações solo e coreografias próprias. Em 2014, foi aprovada no Miami City Ballet School com bolsa integral para o programa Summer 2015. “O IRS é muito importante para mim. Aqui tive a oportunidade de criar minhas próprias coreografias. As oficinas desenvolveram minha criatividade”.

CONHEÇA ROGERIO STEINBERG:

Saiba tudo sobre a vida deste publicitário, criativo e revolucionário.
Acesse: rogeriosteinberg.com.br

CONTATOS:

  (21) 2529-8011 / 2239-0448

  Rua Jardim Botânico, 116
Jardim Botânico, Rio de Janeiro
CEP: 22461-000

institutorogeriosteinberg@irs.org.br

Desenvolvido com pela Agência Cibele